Após turbina de avião explodir, pastor orou para que Deus enviasse seus anjos

Quando o voo 1380 da empresa aérea Southwest, que ia de Nova York para Dallas, foi interrompido pela explosão de uma turbina. Uma das janelas foi atingida e começou a despressurização. Os passageiros entraram em pânico quando as máscaras de oxigênio começaram a cair.

Enquanto a maioria das pessoas gritava, o pastor Timothy C. Bourman e sua esposa Amanda começaram a orar e clamar para que Deus enviasse seus anjos. “Eu peguei a mão da minha esposa e comecei a orar: ‘Amado Jesus, mande alguns anjos e nos salve disso’”, revela o líder religioso de 36 anos, que lidera a Igreja Luterana Sure Foundation, em Nova York.

Em uma postagem em sua página no Facebook afirmou: “Todos naquele avião vieram a crer em Deus. Eu orei e Deus enviou seus anjos. O motor explodiu. A porta de emergência saiu voando. Os flaps pararam de funcionar. Havia um grande buraco no avião. Um dos nossos amigos teve uma parada cardíaca. Eu nunca fiquei tão assustado e, ao mesmo tempo, tão confiante em oração. Quem precisa de uma máscara quando Deus está com você? Lembre-se de falar aos seus filhos sobre o amor de Deus em Cristo enquanto você ainda pode. Isso é tudo que eu conseguia pensar quando estávamos caindo. É tudo o que realmente importa. A vida parece diferente depois de algo assim.”

O pastor e a esposa estavam indo participar de um retiro no Texas. “Eu só lembro de segurar a mão do meu marido, e nós ficamos orando e orando”, disse Amanda à imprensa. “O que passava pela minha cabeça era o quanto queria ver novamente minhas filhas e dar-lhes um grande abraço”.

Amanda revelou ao jornal New York Times que conseguiu usar seu telefone por alguns minutos e mandou uma mensagem para o sogro, que estava cuidando das meninas de 6, 4 e 2 anos: “Ore! Um dos motores do avião explodiu. Diga às meninas que as amamos e que Jesus está com elas sempre”.

Segundo testemunhas, quando o motor esquerdo do avião explodiu, estilhaços da explosão atingiram uma janela. A passageira Jennifer Riordan, 43, foi parcialmente sugada para fora e morreu devido ao forte trauma na cabeça e pescoço.

Durante cerca de 20 minutos a piloto Tammie Jo Shults precisou de extrema habilidade para conseguir levar a aeronave até o aeroporto mais próximo. Ela realizou um pouso de emergência na Filadélfia.

Outras pessoas que estavam a bordo relataram que também oraram enquanto o caos tomava conta. Sheri Sears, 43 anos, conta que implorou a Deus por misericórdia.

Uma das sobreviventes, Amanda Bourman usou seu perfil no Instagram para agradecer a Deus e à comandante: “A pilota Tammy Jo é tão incrível! Ela nos colocou em segurança no solo. Deus enviou seus anjos para cuidarem e nós, Eu realmente ouvi alguém dizer: ‘existe um Deus!’”.

Pilota é evangélica

Aclamada como “heroína” por ter realizado um pouso tão difícil, a pilota de avião Tammie Jo Shults, 56 anos, é evangélica. Além do curso de pilotagem, ela é graduada pela Universidade Nazarena MidAmerica, um instituto cristão no Kansas.

Um representante da escola diz que ela era conhecida por seu bom testemunho. Em outras ocasiões, Shults falou sobre como sentar na cadeira do capitão dava a ela “a oportunidade de testemunhar sobre Cristo em quase todos os voos”. 

Com informações de Christian Post

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *